Memories

"Às vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido."

O vazio e o Eu, em sua forma definida

Published by 「ϻȝƚɋɣαɦȡ 」 under on 13:20:00

Desde os tempos mais remotos, sempre houve esta calma sensação de um vazio imenso. Como se todo o universo estivesse dentro do corpo, a envolver a alma e o íntimo – e, de fato, ele está. São todos os seres viventes, pequenos universos.



É um vazio que parece não poder ser preenchido; porém que nos preenche a mente e o coração com diversos sentimentos adversos. Sentir-se vazio pode ser sentir-se grandioso – ou não. Depende, com exclusividade, de cada qual. Pode ser que ajude na infindável busca por poder*... Poder, este, que deve servir ao seu propósito – ser o verdadeiro e único potencial de existência.



Para alcançar este poder e iniciar o preenchimento do vazio, é preciso, primeiramente, libertar-se do Eu – ego. O indivíduo que se julgue superior será infinitamente inferior. E, qual não se julgar inferior, tampouco superior, será sempre digno de receber a dádiva do saber. É preciso acreditar em si mesmo. O conhecimento é o caminho para a sabedoria. Por isto, libertar-se do ego e conhecer-se a si mesmo é um caminho a ser trilhado solitariamente. Com seu findar, o laurel é...



(...)



* não é poder em sua forma conhecida atualmente, nem de qualquer outra forma que possua tradução direta.


5 ϻĭņđʼƨ:

May. disse... @ 1 de julho de 2008 às 23:05

"Conheça-te a ti mesmo, e conhecerás os deuses e o universo."

Já disse nosso querido mestre Sócrates. :)


Saudades, saudades.
Por que você esquece de mim?

Te amo muito, querido pai. (LL)²

Tay disse... @ 2 de julho de 2008 às 09:26

Durkheim falava de um suicida egoísta e um altruísta. Tirando a parte do suicida, é tornar-se altruísta e conhecer a si mesmo?

Perdão a invasão assim do nada.
Infelizmente tenho o maldito costume de ler o que escreve e hoje num incrível acesso de falta do que fazer, resolvi comentar.
Insisto que publique o que escreve, é tudo de imensa qualidade, impecável. De verdade.

Abraço.

itau disse... @ 2 de julho de 2008 às 17:37

adorei a nova imagem do titulo *-*

Fernanda Vivacqua disse... @ 4 de julho de 2008 às 01:14

Lendo seu excelente texto me lembrei de uma frase: "Perder vazio é empobrecer."; é da Ana Carolina(haha),mas me lembrou.

Parabéns,você tem saber,engenho e,principalmente,arte.

Beijos.

Lia disse... @ 5 de julho de 2008 às 19:49

Ah... !

Enviar um comentário